14/04/2022

Institutos Vital Brazil e Pasteur se reuniram em Niterói

Pasteur

 

Na manhã da última quarta-feira, dia 13, representantes do Instituto Pasteur, da França, e da embaixada francesa no Brasil estiveram no Instituto Vital Brazil para uma visita. A presidente do Vital Brazil, Priscilla Palhano, e os diretores Industrial e Comercial, Leila Garcia e Emerson Mesquita, respectivamente, receberam a vice-presidente executiva de Transferência de Tecnologia e Parceria Industrial do Pasteur, Isabelle Buckle, numa reunião que trouxe a possibilidade de futuras parcerias em pesquisa entre as duas instituições centenárias.
“Ficamos muito felizes em recebê-los aqui em Niterói e esperamos que esse encontro renda muitos frutos num futuro próximo”, declarou Palhano.

Parceria Histórica

Um encontro entre os dois institutos não acontecia desde 2014, quando representantes do Vital Brazil foram à França para comemorar os 120 anos da soroterapia. Antes disso, uma parceria entre os dois laboratórios trouxe ao Brasil o combate à tuberculose com a vacina da BCG. Foi com o apoio do cientista Vital Brazil, em seus laboratórios de Niterói, que os primeiros testes para a produção de BCG no Brasil chegaram no início da década de 1920. O envio só foi possível por conta dos grandes laços de amizade entre o cientista brasileiro e Calmette e Guérin, do Instituto Pasteur, criadores da vacina BCG. Vital Brazil, aliás, frequentou por algum tempo o Instituto Pasteur durante o início do século XX.


Sobre o Instituto Pasteur

O Instituto Pasteur é uma fundação francesa privada, sem fins lucrativos, dedicada ao estudo da biologia dos micro-organismos, das doenças e vacinas. Seu nome é uma homenagem a Louis Pasteur, seu fundador e primeiro diretor, que, em 1885, produziu a primeira vacina contra a raiva. O Instituto foi fundado em 4 de junho de 1887, com recursos de doações, e inaugurado em 14 de novembro de 1888.